Início >> Agregador de feeds >> Fontes >> Blog do Jaime

Blog do Jaime

Subscrever feed Blog do Jaime
Atualizado: 24 minutos 49 segundos atrás

Novas tecnologias criarão saldo de 58 milhões de empregos até 2022

ter, 18/09/2018 - 10:20

Fonte: Valor EconômicoMáquinas e algoritmos irão executar mais da metade das tarefas atualmente executadas por seres humanos em seus trabalhos até 2025, abrindo caminho para a eliminação de 75 milhões de vagas de empregos em todo o mundo, segundo um estudo apresentado nesta segunda-feira (17) pelo Fórum Econômico Mundial. No entanto, as inovações tecnológicas também criarão 133 milhões de novos trabalhos até 2022, deixando um saldo positivo de 58 milhões de vagas.
Os dados pertencem à pesquisa “Futuro dos Empregos 2018” (“Future of Jobs 2018”), que busca entender o potencial de novas tecnologias para excluir e criar vagas de emprego, além de preparar as pessoas para novas funções no mercado de trabalho que emergem dessa destruição criativa. Com base em uma pesquisa com altos executivos de recursos humanos e de estratégia de empresas de 12 setores, em 20 economias desenvolvidas e emergentes, que coletivamente representam 70% do PIB mundial, o relatório conclui que 54% dos funcionários de grandes empresas precisarão se readaptar e qualificar suas habilidades para aproveitar as oportunidades neste momento que o Fórum Econômico Mundial classifica como a “Quarta Revolução Industrial”.
Alerta Nesse cenário, o estudo alerta os trabalhadores que mais da metade das companhias pesquisadas pretendem contribuir somente com funcionários estratégicos na atualização de suas habilidades para lidar com as inovações.

Por outro lado, enquanto quase 50% de todas as empresas esperam que sua força de trabalho em tempo integral diminua até 2022, quase 40% esperam estender sua força de trabalho e mais de 25% esperam que o processo de automação crie novas funções. De volta à sala de aula
“É fundamental que as empresas assumam um papel ativo no apoio à força de trabalho existente por meio de reciclagem e qualificação, que os indivíduos adotem uma abordagem pró-ativa de aprendizado ao longo da vida e que os governos criem um ambiente propício para facilitar essa transformação da força de trabalho. Este é o principal desafio do nosso tempo”, diz o presidente Fórum Econômico Mundial, Klaus Schwab, no comunicado que apresenta o relatório.
As profissões que mais devem crescer diante das inovações tecnológicas até 2022, segundo o Fórum Econômico Mundial, envolvem setores como análise de dados, desenvolvimento de software e aplicativos, comércio eletrônico (e-commerce) e mídias sociais. Ocupações que exigem habilidades humanas como vendas e marketing também devem se manter em alta com as inovações. Por outro lado, cargos mais administrativos são os que correm o maior risco de desaparecerem. 

MIPs e genéricos ajudam indústria farmacêutica a aquecer mercado

ter, 18/09/2018 - 10:11

Fonte: Guia da Farmácia c/info DCI
O segmento farmacêutico está diversificando seu portfólio para continuar em crescimento. Os laboratórios apostam, por exemplo, em Medicamentos Isentos de Prescrição (MIPs) e genéricos em um momento de retração do consumo e volatilidade cambial. 
“Estamos diversificando para crescer. Entramos no mercado de genéricos e estamos indo bem, dentro das dificuldades do cenário”, afirma o vice-presidente comercial da Biolab, Carlos Capelli. No primeiro semestre do ano, a companhia adquiriu a operação da Actavis Brasil, que pertencia à Teva. “Nossa perspectiva é crescer 11% em 2018. E esse desempenho está mais ligado ao produto popular”, conta Capelli.
De acordo com o executivo, a atual instabilidade cambial é uma preocupação do setor, que importa a maior parte de sua matéria-prima. “Temos a vantagem de trabalhar com câmbio futuro, mas não sabemos até quando isso vai permitir manter a estabilidade. É difícil produzir matéria-prima no Brasil, mais de 90% é importado.”
Segundo dados da Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma), a venda de medicamentos cresceu 8,08% no primeiro semestre de 2018 em comparação ao mesmo período do ano anterior.

O principal segmento é o de MIPs, com 15,42% de crescimento. “Esperávamos um crescimento melhor, há uma crise de confiança no Brasil e o consumidor está retraído”, declarou o presidente executivo da Abrafarma, Sergio Mena Barreto.
O presidente da Cimed, João Adibe, afirma que o laboratório cresce acima do mercado, também apostando em MIPs e genéricos. “A expectativa é um pouco maior do que ano passado, de chegar a 30% de crescimento. Até aqui, o objetivo foi cumprido.” O mesmo acontece com o grupo NC que deverá fechar o ano com crescimento de 15%, após investimento em Pesquisa & Desenvolvimento (P&D), além de se aproximar das redes de farmácias.
Porém, o vice-presidente do grupo, Marcus Sanchez, demonstra preocupação com a valorização do dólar e a carga tributária do setor. “A moeda influencia, está diretamente ligada ao custo do produto. Também é negativo ver encargos elevados para um bem de primeira necessidade, é preciso olhar para o setor da saúde e fazer algo a respeito.” 

Reinvente-se!

seg, 17/09/2018 - 07:00
CSJT - Conselho Superior da Justiça do Trabalho

O Brasil tem mais de 30 milhões de idosos. E uma parcela significativa dessa população ainda trabalha ou pretende voltar ao mercado de trabalho o quanto antes. Qualifique-se! Muitas empresas já reconhecem cidadãos maiores de 60 anos como trabalhadores mais comprometidos e motivado

Vaga na garagem tem IPTU

sex, 14/09/2018 - 07:00
Conselho Nacional de Justiça - CNJAs vagas de garagem em condomínios verticais (edifício) contam como parte do terreno sobre o qual é calculado o valor do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). Ou seja: têm status de imóvel. Quando a vaga é um bem imóvel acessório ao principal, ambos têm o mesmo registro imobiliário que determina a área total, composta pela área útil, pela área da vaga de garagem e por uma porcentagem da área comum. Nesses casos, pode acontecer da vaga estar situada em local indeterminado. Já na unidade autônoma, a vaga de garagem é um bem imóvel separado do apartamento ou da casa, ou seja, há duas matrículas: uma do apartamento ou casa e outra da vaga de garagem. Normalmente, ela está situada em local determinado, com descrição de seu tamanho e limites. 
Atenção! As vagas que são autônomas do imóvel principal não podem ser vendidas ou locadas a pessoas estranhas ao condomínio, salvo se houver autorização expressa na convenção do condominial, de acordo com o artigo 1.331,§1º do Código Civil (Lei n. 10.406/2002 - http://bit.ly/VagasDeGaragem)

Trabalhadores podem usar FGTS para a compra de próteses e órteses

qui, 13/09/2018 - 07:00

Fonte/Foto: Ag BrasilTrabalhadores com deficiência de natureza física ou sensorial podem usar o saldo do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) para a compra de próteses e órteses. Essa possibilidade já estava prevista desde 2015, quando foi publicada a Lei de Inclusão da Pessoa com Deficiência - o Estatuto da Pessoa com Deficiência. Faltava, no entanto, a regulamentação dessa lei, o que foi feito em abril deste ano por meio de decreto.
Saiba mais

Brasil: Modelo injusto e falido!

qua, 12/09/2018 - 15:14
Entre NósJaime PortoPresidente Sinprafarmas
Graças ao Ministério Público, o Brasil vai aos poucos mostrando a sua cara. E como era de se esperar, a sociedade não tem gostado nada do que viu e ouviu durante os últimos anos.
Nunca na história deste país tão cheio de estórias colecionamos tantos episódios desprimorosos e revoltantes como os que estão sendo denunciados e noticiados pela mídia, ultimamente.
Nunca em momento algum dos últimos 500 anos, tantos políticos estiveram atrás das grades, cumprindo pena, incluindo-se aí um ex-presidente. Novos tempos? Talvez... nem tanto... as duas conclusões são adequadas, uma vez que presos tem regalias e ainda tentam por todos os meandros mais obscuros da justiça recompor o direito de ser elegível. Uma vergonha... mais uma vergonha para os brasileiros.
Nesta barafunda política policial nenhum partido escapa. Cada um tem sua cota de investigados, denunciados e presos, a começar pelo chefe máximo da nação que está sendo investigado.
Neste cenário, o governo tem aproveitado para mostrar sua mentalidade retrógrada e autoritária, mas aos trancos e barrancos a sociedade civil vai aprendendo a se organizar e a exigir seus direitos, sem se deixar atordoar pela falsa sensação de que não dá para mudar o status quo.
Existem soluções para todos esses problemas? Sim. E elas começam pela retomada do crescimento, redução do desemprego, distribuição socialmente mais justa da renda, reformas tributária, política e judiciária, o fim de todos os privilégios e a volta do foco governamental para suas atividades tradicionais (educação, saúde, segurança, habitação, saneamento básico etc).
A sociedade civil já se deu conta de que vivemos num país de Gersons e quer acabar com isso. Caberá, portanto, ao governo que será eleito pelo voto popular a missão de interpretar corretamente os anseios da sociedade e apressar o desmonte do modelo injusto e falido que vivemos.

O que é feminicídio

qua, 12/09/2018 - 07:00

Tipificado pela Lei n. 13.104/2015 e incorporado ao Código Penal, o "feminicídio" não é um termo politicamente correto. É sim utilizado para designar o assassinato cometido contra a mulher, considerado crime hediondo, pela condição de ser mulher. Fique atenta aos sinais: agressão verbal ou física, impedimento do direito de ir e vir, ameaça e outras atitudes podem levar ao caminho tortuoso do feminicídio. 
Denuncie a partir do primeiro sinal! 
Disque 180. 
Conheça a lei: http://bit.ly/FeminicidioCrimeHediondo

Precisamos lembrar para que não aconteça de novo!

ter, 11/09/2018 - 14:34
Militares na cerimônia no Memorial dos atentados de 11 de setembro, para lembrar o 17º aniversário dos ataques, em Nova York - EFE/ Justin Lane/ direitos reservadosFonte: Ag BrasilA série de atentados de 11 de Setembro de 2001 completa 17 anos nesta terça-feira (11). Na ocasião morreram cerca de 3 mil pessoas, incluindo 227 civis e 19 sequestradores dos aviões.
Na manhã do dia 11 de Setembro de 2001, 19 homens sequestraram quatro aviões comerciais com passageiros. A bordo das aeronaves, os sequestradores colidiram contra as Torres Gêmeas, um complexo do World Trade Center, em Nova York.
Todos a bordo morreram e muitos dos que estavam nos prédios também. Os dois edifícios desmoronaram, depois dos impactos, atingindo os prédios ao lado. Um terceiro avião de passageiros atingiu o Pentágono, a sede do Departamento de Defesa dos Estados Unidos, na Virgínia, nos arredores da capital, Washington. 
A quarta aeronave caiu em um campo aberto próximo, na Pensilvânia. Segundo investigações, a partir de registros na caixa-preta e de depoimentos de parentes, passageiros e tripulantes tentaram retomar o controle do avião, provocando a queda. Não houve sobreviventes.

Parceria entre farmacêuticas aumenta alcance de exame para pacientes com câncer de pulmão

ter, 11/09/2018 - 08:36

Fonte: Guia da FarmáciaPacientes com diagnóstico de câncer de pulmão acabam de ganhar mais um aliado para lutar contra a doença: o Programa PD-Point 2.0. Lançado pela farmacêutica MSD, o projeto oferece, gratuitamente, exames para identificar rapidamente a presença dos biomarcadores PD-L1 e de mutações dos genes EGRF e ALK, utilizados para determinar qual o melhor tratamento para cada paciente. O programa garante a emissão dos resultados em apenas seis dias úteis – o que antes só era possível em 12 dias –, acelerando assim, o diagnóstico preciso do câncer de pulmão. Para que o exame possa ser acessível para um maior número de pessoas, MSD e Boehringer Ingelheim firmaram parceria que visa unir esforços para aumentar a capilaridade do exame entre os médicos.
Saiba mais

Amparo assistencial é concedido a idosos e pessoas com deficiência

ter, 11/09/2018 - 07:00

Fonte/Foto: Diário do LitoralO amparo assistencial é um benefício destinado a pessoas idosas ou com deficiência que não tenham condições de se manter ou serem mantidas por suas famílias. Para ter direito ao benefício, não é necessário ter contribuído para a Previdência Social, mas o interessado deve atender a algumas exigências da Lei Orgânica da Assistência Social (Loas).
No caso do idoso, para ter direito ao amparo assistencial, a pessoa precisa ter, no mínimo, 65 anos de idade e não pode receber nenhum benefício da Previdência Social ou de outro regime previdenciário. Já a pessoa com deficiência precisa passar por um exame médico-pericial e avaliação social no INSS, para ser verificado se a sua deficiência a incapacita para a vida independente e para o trabalho.
Outra exigência, que vale tanto para o idoso como para a pessoa com deficiência, é quanto à renda familiar. Para poder receber o amparo, o interessado deve comprovar que a renda mensal familiar dividida pelo seu número de membros é inferior a um quarto do salário mínimo.
Para cálculo da renda familiar, é considerado o número de pessoas que vivem na mesma casa: cônjuge, companheiro, pais, filhos (inclusive enteados e tutelados menores de idade) e irmãos não emancipados, menores de 21 anos ou maiores inválidos.
O valor do benefício é de um salário mínimo mensal. Esse amparo não dá direito ao 13º salário e, em caso de morte do beneficiário, não gera pensão para seus ­dependentes.

A cada 40 segundos, há um suicídio no mundo

seg, 10/09/2018 - 09:54

Fone: Ag BrasilNo Brasil, há um suicídio a cada 45 minutos. Os dados mundiais indicam que ocorre uma tentativa a cada três segundos e um suicídio a cada 40 segundos. No total, chega-se a 1 milhão de suicídios no mundo. Provocar o fim da própria vida está entre as principais causas das mortes entre jovens, de 15 a 29 anos, e também de crianças e adolescentes. 
No esforço para mudar esses números, a Organização Mundial da Saúde (OMS) definiu que a data de 10 de Setembro é o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio.  Há quatro anos a Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), em parceria com o Conselho Federal de Medicina (CFM), promove a campanha nacional Setembro Amarelo.
Saiba mais

HIV e AIDS

seg, 10/09/2018 - 07:00
Conselho Nacional de Justiça - CNJHIV e AIDS são coisas diferentes. O HIV é o nome do vírus que é agente causador da doença, a AIDS. Nem sempre pessoas com HIV chegarão a desenvolver AIDS. Em qualquer caso, o Ministério da Saúde recomenda o uso de preservativos em todas as relações sexuais, ação que também evita a infecção por outros vírus e bactérias sexualmente transmissíveis, como a sífilis e as hepatites virais, por exemplo. 
Não se espante! Caso tenha se relacionado sexualmente sem preservativos, é importante que você faça a testagem HIV/Aids para ficar evitar o contágio do vírus. O teste é simples, rápido e gratuito pelo Sistema Único de Saúde (SUS).
Saiba mais

Mais uma tragédia anunciada!

qui, 06/09/2018 - 14:42
Entre Nós
Jaime Porto
Presidente Sinprafarmas

Incendiou-se no Rio de Janeiro o 5º maior acervo do mundo, que continha o fóssil de 12 mil anos de Luzia, descoberta que refez todas as pesquisas sobre ocupação das Américas, o documento oficial que instrumentalizou a Lei Áurea, além do sarcófago de Sha Amum Em Su, um dos únicos no mundo que nunca foram abertos, alguns fósseis de plantas já extintas, o maior acervo de meteoritos da América Latina, o trono do rei Adandozan, do reino africano de Daomé, datado do século XVIII. Queimou o prédio onde foi assinada a independência do Brasil, reduzindo-se a cinzas parte da história do Brasil e da civilização. Perdas irreparáveis.
Dizer que foi uma tragédia anunciada aos quatro ventos é simplesmente chover no molhado, porque foi sim, a última e seríssima denúncia tendo acontecido no mês de julho, sem que nenhuma providência tivesse sido tomada.
A tragédia cultural brasileira revela a falta de interesse do poder público com o acervo histórico e científico do país, que deixou o museu simplesmente apodrecer.
Muitos já bateram a mão no peito prometendo apurar responsabilidades, mas, em se tratando de Brasil, isto é bem duvidoso. Enfim, que este seja mais um elemento a ser pesado nas decisões que vamos tomar no dia sete de outubro, no impulsionando a votar com mais consciência e responsabilidade, porque um país sem memória e cuidados, não tem, futuro!

Prova de Vida: perdi o prazo, e agora?

qui, 06/09/2018 - 07:00

Fonte/Foto: Diário do LitoralOs aposentados, pensionistas e demais beneficiários do INSS que não fizeram Comprovação de Vida há mais de um ano terão os benefícios suspensos. Caso tenha perdido o prazo, confira o que fazer para não correr o risco de ficar sem o seu pagamento.
O primeiro e mais importante passo é ir, o quanto antes, ao seu banco pagador para regularizar a situação e reativar o pagamento, pois se o beneficiário não fizer a comprovação, o benefício é suspenso e, após um período, é então cessado.
Cada Instituição Financeira (banco pagador) trata a data para Comprovação de Vida da forma mais adequada à sua gestão: existem bancos que utilizam a data do aniversário do beneficiário, outros utilizam a data de aniversário do benefício, e ainda há aqueles que convocam o beneficiário um mês antes do vencimento da última Comprovação de Vida realizada.
O mais importante a destacar é que toda pessoa que recebe benefício do INSS precisa fazer a Comprovação de Vida ­anualmente.
VivoA Comprovação de Vida, também conhecida como Renovação de Senha ou, ainda, Fé de Vida, é um procedimento obrigatório e visa a dar mais segurança ao cidadão e ao Estado brasileiro, evitando pagamentos indevidos de ­benefícios.
O procedimento é obrigatório para todos os beneficiários do INSS que recebem seus ­pagamentos por meio de conta corrente, conta poupança ou cartão magnético, inclusive para aqueles que recebem benefícios assistenciais.

Risco de incêndio no Museu Nacional foi denunciado há 14 anos

ter, 04/09/2018 - 07:00
Imagem Ag Brasil - Tânia RegoFonte: Ag BrasilHá 14 anos, em 3 de novembro de 2004, o então secretário estadual de Energia, Indústria Naval e Petróleo Wagner Victer denunciou, em entrevista à Agência Brasil, os riscos de que o Museu Nacional do Rio de Janeiro poderia vir a ser destruído por um incêndio.
Saiba mais

Empoderamento da Mulher no trabalho

seg, 03/09/2018 - 07:00
Conselho Superior da Justiça do trabalho - CSJTPara ajudar a comunidade empresarial a incorporar em seus negócios valores e práticas que visem à equidade de gênero e ao empoderamento de mulheres, a ONU Mulheres Brasil formulou 7 princípios. Organizações que se comprometam a cumpri-los colaboram de forma efetiva para o enfrentamento de desigualdades e injustiças cometidas contra as mulheres no trabalho, e podem se tornar apoiadoras públicas e oficiais dessa iniciativa.
Conheça todos os princípios emE você, empregador? Já pensou em adotá-los?

Alunos deixam ensino fundamental com desempenho pior do que entraram

sex, 31/08/2018 - 07:00

Fonte: Ag BrasilFoto: Marcelo Camargo Ag BREstudantes deixam o ensino fundamental com desempenho pior do que entraram, em média, no Brasil. É o que mostram os resultados das avaliações do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb), divulgados hoje (30) pelo Ministério da Educação (MEC).
As provas que avaliam os estudantes de escolas públicas em língua portuguesa e matemática mostram que os estudantes chegam a um nível maior de aprendizagem nas disciplinas no 5º ano do que no 9ª ano, quando deixam o ensino fundamental.
Os resultados mostram que, quando fazem a avaliação no 5º ano, os estudantes ficam, em média, no nível 4 de proficiência, tanto em língua portuguesa quanto em matemática - em uma escala que vai de 0 a 9 em português e de 0 a 10 em matemática. De acordo com os critérios do MEC, no nível 4, os estudantes aprenderam o básico em ambas disciplinas. 
No 9º ano, o resultado piora. Em média, os estudantes estão no nível 3, tanto em língua portuguesa quanto em matemática, o que significa que não alcançaram nem mesmo o nível básico e tiveram uma proficiência insuficiente. Nessa etapa, a escala vai até 8 em português e 9 em matemática, mas os critérios do MEC para classificar a aprendizagem como suficiente permanecem os mesmos.
Saiba mais

População brasileira passa de 208,4 milhões de pessoas

qui, 30/08/2018 - 07:00
Fonte: Ag BrasilA população brasileira é de 208.494.900 habitantes, espalhados pelos 5.570 municípios do país, de acordo com dados divulgados hoje (29) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A estimativa é referente a 1º de julho e mostra crescimento populacional de 0,82% de 2017 para 2018. No ano passado, o Brasil tinha 207.660.929 habitantes. 
Segundo as informações já publicadas no Diário Oficial da União (DOU), o município de São Paulo continua sendo o mais populoso do país, com 12,2 milhões de habitantes, seguido do Rio de Janeiro (6,7 milhões de habitantes), de Brasília e de Salvador, com cerca de 3 milhões de habitantes cada. De acordo a divulgação, 17 municípios brasileiros concentram população superior a 1 milhão de pessoas e juntos somam 45,7 milhões de habitantes ou 21,9% da população do Brasil. 
Serra da Saudade, em Minas Gerais, é o município brasileiro de menor população, 786 habitantes, seguido de Borá (SP), com 836 habitantes, e Araguainha (MT), com 956 habitantes.
Saiba mais

Qualidade de vida no trabalho

qua, 29/08/2018 - 07:00
Conselho  Superior da Justiça do Trabalho - CSJTA Lei n. 6.514/1977 (http://bit.ly/Lei6514-1977), que compõe a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), prevê critérios mínimos para garantir a segurança e o bem-estar físico dos trabalhadores no ambiente de trabalho. 
As Instruções Normativas do Ministério do Trabalho (http://portalfat.mte.gov.br/instrucoes-normativas/) também contêm orientações para determinados profissionais e espaços laborais. Empregador, fique atento e garanta o melhor meio ambiente de trabalho para os seus colaboradores.


Ser Mulher!

ter, 28/08/2018 - 09:45

Entre NósJaime PortoPresidente Sinprafarmas
As mulheres muito conquistaram, mas muito ainda há por fazer, pois, leis não são respeitadas... elas ainda enfrentam discriminação no trabalho por serem MULHERES e MÃES. São mais atingidas pelo desemprego; seus salários são mais baixos que os dos homens para a mesma função; acumulam a dupla jornada e não têm as mesmas oportunidades de qualificação... estão entre os mais pobres!
Apesar disso, elas ajudam a construir este Brasil, com seu trabalho, esforço e dedicação, Estão em maior número no mercado de trabalho, nas estatísticas do desemprego e nas situações de desigualdade que o processo de globalização cria e, ainda assim, continuam defendendo o que conquistaram e mudando as regras patriarcais do capitalismo e da receita neoliberal que implica em redução dos serviços públicos, altas taxas de juros, liberalização dos movimentos de capitais, privatizações que atingem as mulheres com o aumento da pobreza, do desemprego, do trabalho doméstico e comunitário, cobrando a implementação de leis e políticas para erradicar a pobreza. Com sua luta ainda ajudam as minorias mais fragilizadas!
As mulheres têm lutado por uma sociedade igualitária, humana e justa e para isso, hoje cobram a realização de um projeto nacional comprometido com a emancipação da mulher e por políticas públicas que efetivem seus direitos no dia a dia. Continuam na luta pela igualdade de oportunidades e por condições de trabalho; pelo fim da violência de gênero e racial, pela erradicação do assédio moral e sexual; por uma saúde integral que considere as singularidades de gênero, de etnia, de geração e de classe; por uma imagem social que reflita a condição da mulher como cidadã e trabalhadora, parte fundamental do progresso desta grande nação. 
Dia 26 de agosto foi comemorado o “Dia Internacional da Igualdade Feminina” e a luta pela dignidade e respeito continua, pois, a mulher deixou definitivamente de ser a bonequinha, construída no imaginário coletivo com linda, sem rugas, sempre sorridente e pronta para o sexo, para ser a cidadã que trabalha, estuda, concebe, grita, ri, faz ginástica, cozinha, brinca e anda de bicicleta, dirige caminhão ou legisla, sabendo como ninguém ser Mulher!